Serviço de Estrangeiros e Fronteiras

Português
Português

Destaques

Notícias

  • 10 julho 2020 | Santarém: Prisão preventiva para os três cidadãos suspeitos dos crimes de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal

    Ficaram em prisão preventiva os três cidadãos estrangeiros, detidos pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), na madrugada de quarta feira, na zona de Santarém, por suspeitas dos crimes de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal.

    A operação do SEF teve como principal objetivo o desmantelamento de uma rede de tráfico de seres humanos e crimes conexos, com a introdução de trabalhadores estrangeiros, alguns em situação irregular, em explorações agrícolas no Ribatejo. Além das três detenções, foram cumpridos 40 mandados de busca e apreensão, com a apreensão de vários meios informáticos, viaturas, diversa prova documental da prática dos crimes identificados e uma avultada quantia de dinheiro.

    No decorrer da operação “Lezíria", delegada no SEF pelo Ministério Público de Santarém e que decorreu ao longo de um ano, foram identificados cerca de 140 trabalhadores estrangeiros, de origem indostânica, sendo que cerca de 10 foram sinalizados como vítimas do crime de tráfico de pessoas. Estes cidadãos estavam, na sua maioria, sujeitos a condições degradantes de trabalho, alojamento e salubridade.

    No terreno, estiveram ainda presentes elementos das Equipas Multidisciplinares Especializadas para Assistência a Vítimas de Tráfico de Seres Humanos, que garantiram o tratamento adequado das situações ali detetadas.

    No total, participaram na operação “Lezíria" 120 operacionais do SEF.

    Ler mais

  • 8 julho 2020 | Santarém - SEF detém três cidadãos suspeitos dos crimes de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal

    ​O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deu, hoje, cumprimento a três mandados de detenção por suspeitas dos crimes de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal, na zona de Santarém. Além das detenções, foram cumpridos 40 mandados de busca e apreensão.

    Na operação “Lezíria" foram identificados cerca de 140 trabalhadores estrangeiros, de origem indostânica, sendo que cerca de 20 foram já sinalizados como vítimas do crime de tráfico de pessoas, tendo sido disponibilizado todo o apoio necessário. Estes cidadãos estavam, na sua maioria, sujeitos a condições degradantes de trabalho, alojamento e salubridade.

    Esta operação do SEF teve como principal objetivo o desmantelamento de uma rede de tráfico de seres humanos e crimes conexos, com a introdução de trabalhadores estrangeiros, alguns em situação irregular, em explorações agrícolas no Ribatejo. Durante as buscas foram apreendidos vários meios informáticos, diversa prova documental da prática dos crimes identificados e uma avultada quantia de dinheiro.

    Trata-se de uma investigação delegada no SEF pelo Ministério Público de Santarém e que decorreu ao longo de um ano.

    Os detidos serão presentes ao tribunal competente para aplicação das respetivas medidas de coação.

    Esta operação decorreu com a presença de elementos das Equipas Multidisciplinares Especializadas para Assistência a Vítimas de Tráfico de Seres Humanos, de forma a garantir o tratamento adequado das situações ali detetadas e contou com o apoio de diversos parceiros em termos logísticos.

    No total, participaram na operação 120 operacionais do SEF.

    As diligências no terreno continuam, prevendo-se mais detenções nas próximas horas.

    Ler mais

  • 25 junho 2020 | SEF desenvolve operação em Coimbra

    ​O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) realizou, esta semana, uma operação em Coimbra, no âmbito de investigações, coordenadas pelo DIAP, relacionadas com a suspeita da prática de atividades criminais, designadamente auxílio à imigração ilegal e exploração laboral de cidadãos estrangeiros em situação irregular no nosso país.

    No local buscado, localizado na baixa de Coimbra, além do domicílio, funcionavam os escritórios de empresa associada à matéria em investigação, um salão de cabeleireiro/esteticista e uma creche/ATL. Simultaneamente, foi realizada uma ação de fiscalização a uma obra na cidade de Coimbra, a cargo da empresa em investigação.

    Durante as buscas foram apreendidos vários documentos e material informático e de comunicações e identificados oito trabalhadores de nacionalidade estrangeira, um dos quais em situação irregular e quatro sem autorização para exercício de atividade profissional.

    Todos os locais eram alegadamente geridos por um casal de cidadãos nacionais, com 24 e 33 anos respetivamente, os quais foram constituídos arguidos assim como a pessoa coletiva.

    Aos dois arguidos foi aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência.

    A ação contou com a participação conjunta do Instituto da Segurança Social, que, no âmbito das respetivas competências e de processo autónomo em curso, procedeu ao encerramento da creche, na medida em que a mesma se encontrava a funcionar ilegalmente.

    Foram envolvidos diretamente na operação doze inspetores do SEF e cinco da Segurança Social.

    A investigação do SEF irá prosseguir.

    Ler mais

Contactos

Rede fixa

808 202 653

Para marcações e informações

Rede móvel

808 962 690

Para marcações e informações

Email

gricrp.cc@sef.pt

Para informações

Política de privacidade e cookies