Serviço de Estrangeiros e Fronteiras

Português
Português

SEF desenvolve ação de fiscalização em Évora

​O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) realizou uma operação de fiscalização numa unidade agrícola Évora, em Nossa Senhora de Machede, na qual foram identificados 34 cidadãos de nacionalidade estrangeira, dos quais quatro se encontravam em situação irregular por não serem titulares do visto adequado ao exercício de atividade laboral. Os cidadãos em causa foram notificadas para abandono voluntário do país.

A fiscalização, que decorreu na quarta-feira, teve como principal objetivo verificar a existência de cidadãos estrangeiros que estivessem a exercer uma atividade laboral subordinada sem o necessário título jurídico válido.

Foi ainda levantado processo de contra ordenação à entidade patronal por utilização de atividade de cidadãos estrangeiros em situação ilegal, cuja coimas variam entre os 6000 a 30000 euros.

A operação foi levada a cabo por seis Inspetores do SEF.

Política de privacidade e cookies